Educação: índices pioraram no Brasil

20 de julho de 2012
O economista Gustavo Ioschpe, consultor das Nações Unidas para Educação, fez uma análise sobre a situação da Educação no Brasil, durante palestra na Jornada de Inovação e Competividade da Fiesc

Fonte: Diário Catarinense (SC)




Economista gaúcho Gustavo Ioschpe, consultor das Nações Unidas para Educação, fez uma análise crítica sobre a dramática situação da Educação no Brasil, durante palestra na Jornada de Inovação e Competividade da Fiesc. Entre as revelações e dados contundentes destacou:

1. 74% da população brasileira não é plenamente alfabetizada. Ou seja, não tem domínio da linguagem. Sabem ler, mas não compreendem.

2. 24% das crianças repetem a primeira série. Falta de aprendizado que se transfere para as demais séries. Na Europa e nos Estados Unidos, o índice de repetência é zero, no México de 7% a na Índia de 4%.

3. O Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa), aplicado em 65 países, colocou o Brasil em 57º lugar em Matemática e na 53ª posição em Linguagem e Ciências.

4. A Educação brasileira é, hoje, muito pior do que os índices econômicos do país.

5. A taxa de matrículas no Ensino superior é de apenas 20% da população no Brasil, de 43% no Chile, entre 50 e 70% na Europa e de 100% na Coreia do Sul e Estados Unidos.

6. A China triplicou em cinco anos o número de Alunos que frequentam cursos superiores.

7. O maior entrave ao desenvolvimento socioeconômico brasileiro está na Educação pública.

8. Em pesquisas de tecnologia da informação, o Brasil ocupava a 46ª posição em 2004 e caiu para a 61ª em 2010, atrás do Chile, Tunísia e Porto Rico.

9. O problema da Educação no Brasil não está na falta de recursos, mas na gestão e na qualidade do Ensino ministrado. Aplicação de 5% do PIB é um índice da OCDE.

10. Não há relação entre o aumento dos salários dos Professores e a melhoria no Ensino. No sistema atual, podem triplicar os salários que a Educação como está não será melhor. A chave está na sala de aula.

11. É vital e inadiável uma profunda reforma na Educação brasileira. Começa com a conscientização da sociedade de que a Educação é vital e que vai muito mal.

12. Uma ferramenta positiva para os pais, os Alunos e a sociedade é adotar a Plata do Ideb, já implantada em dois estados e vários municípios. Os índices revelarão se a qualidade da Educação é boa ou ruim.

A programação da Fiesc encerra-se hoje com a outorga da Ordem do Mérito Industrial da Confederação Nacional da Indústria ao empresário Décio Silva, da Weg. E a Medalha do Mérito de Santa Catarina aos empresários Edgar Arnold, Fernando Marcondes de Mattos, José Carlos Librelato, Luiz Tarquinio Sardinha Ferro e Márcio Vaccaro.

- Total frustração no sistema Acafe e entre dirigentes das Fundações Educacionais. A presidente Dilma Rousseff vetou emendas que foram aprovadas após acordo entre a Câmara Federal e o Palácio do Planalto beneficiando as universidades comunitárias e municipais de Santa Catarina com parcelamento de dívidas. Relator da matéria na Câmara, o deputado Pedro Uczai(PT) promete continuar a luta pela manutenção das conquistas.


Ver todas as notícias de Educação na Mídia



Logo acima, comentaristas brasileiros demonstrando os efeitos da 53ª posição em Linguagem numa avaliação entre 60 países. Comovam-se.



O brasil pode ser a sexta maior economia do mundo mas nos em indice de desnvolvimento humando nos estamos no octogésimo quinto lugar ou seja tem 85 paises na nossa frente nossa contituição tem tresentas paginas e a dos Estados Unidos tem apenas uma folha com dez artigos mas não adianta uma escola que tem muitos recursos e que o aluno não quer estudar esse aluno não tem diciplina em quanto isso quantas outras pessoas querem estudar realmente para ser alguem na vida nos o povo brasileiro nos ainda não sabemos escolher direito que irá governar no dia de amanhã ou seja o futuro da nossa nação quem decide somos nóis eu fui um exemplo eu estudo e muito minha escola é uma escola pública mas ela tem todos os recursos necessários para um aluno estudar eu tenho 12 anos e completei o ensino fundamental agora eu irei fazer o primeiro ano do ensino médio em quanto isso tem alunos da minha escola que tem18 anos e que ainda está na oitava série ou seja do que adianta a educação melhorar se a ´pessoas que não valorizão seu estudo hein?

Carregando


Seu comentário foi enviado com sucesso.




 

Leia os termos de uso antes de enviar sua mensagem.
Li e aceito os termos de uso.

 

Consulte nosso glossário

  • A
  • B
  • C
  • D
  • E
  • F
  • G
  • H
  • I
  • J
  • K
  • L
  • M
  • N
  • O
  • P
  • Q
  • R
  • S
  • T
  • U
  • V
  • W
  • X
  • Y
  • Z

Sua mensagem foi enviada com sucesso!
 
 
 

Não foi encontrado nenhum registro com os critérios informados.